- Hoje é
 
 
           Home | Quem somos | Actividades |Contactos
Destaques
Recursos | Documentos | Busca | Visitas | Links
 
 
Deus é Amor!          Aquele que ama conhece a Deus!               Aquele que ama permanece em Deus!          
 :: O dom da Vida
 :: Namoro
 :: Preparar o casamento: CPM
 :: Celebrar o matrimónio
 :: Crescer em família
 :: Rezar em família
 :: Catequese em família
 :: A educação dos filhos
 :: Aconselhamento Familiar
 :: Planeamento familiar natural
 :: Como posso ajudar?
 :: Movimentos Pastoral Familiar
 :: Boletins Informativos

O QUE OS NOIVOS DEVEM SABER
 

Casar pela Igreja

 

Já vos conheceis há tempo bastante, o vosso namoro tem sido um tempo de diálogo sério e franco e credes agora que é chegada a hora de pensar na celebração do vosso casamento.

Quereis casar na Igreja, dando expressão à vossa Fé cristã e às melhores tradições das vossas famílias.

Então o vosso casamento tem de ser fruto de uma decisão consciente e livre de cada um de vós.

Esta escolha quer dizer que estais decididos a viver em plena fidelidade a vossa união conjugal.

Significa que considerais o vosso casamento um verdadeiro compromisso das vossas vidas e não uma mera experiência que, em caso de insucesso, vos permitiria refazer com outro cônjuge a experiência matrimonial.

A Igreja Católica, fiel aos ensinamentos de Cristo, continua a reconhecer a indissolubilidade do matrimónio:

Jesus respondeu: "Não lestes que o Criador, desde o princípio, os criou homem e mulher, e disse: «Por isso o homem deixará o pai e a mãe e se unirá à sua mulher, e serão os dois um só»? Portanto, já não são dois, mas um só. Pois bem, o que Deus uniu não o separe o homem". (Mt.19,4-6)

A vossa união conjugal vai passar a estar aberta ao dom da vida, à generosa e nobre tarefa de educar os filhos que venham a enriquecer o vosso lar.

Sabeis que o Matrimónio é um sacramento através do qual Deus abençoa a vossa relação conjugal e vos concede a graça, a força e a sabedoria para assumirdes as responsabilidades do estado que ides abraçar.

 
©Copyright - Secretariado Diocesano da Pastoral da Família, 2004